Negócio
Tipo
Valores
Suítes
Quartos
Estado
Cidade
Bairro

Dicas de venda

Dicas para vender
  • Confie a venda de seu imóvel a um corretor/empresa credenciada junto ao CRECI.
  • Na avaliação deixe o corretor ajudá-lo sugerindo um preço justo, evite pedir um preço muito alto, planejando abaixar depois, levará mais tempo para o imóvel ser vendido, o que acarretará mais custos e os prováveis compradores vão perdendo o interesse.
  • Para a apresentação do imóvel, procurar conservá-lo sempre limpo e bem cuidado, principalmente em relação a pintura. (a primeira impressão é a que fica)
  • Para a demonstração o corretor terá a responsabilidade de fazer uma pré seleção dos compradores, sabendo o que ele procura, se depende de financiamento bancário e outros para adquirir o bem, proporcionando principalmente segurança nestas visitas.
  • Negociações exigem habilidades, treinamento e experiência, portanto a assessoria de um corretor é imprescindível, pois o envolvimento direto proprietário/comprador provoca emoções que prejudicam a negociação e frequentemente acabam infrutíferas.
  • Documentação correta, assegure-se de quais atos precisam ser feitos e pagos. Saiba qual documentação deverá ser apresentada para concretizar a venda e como as restrições contratuais e de zoneamento locais exigidos pela Prefeitura local podem afetar a transação.
  • Vale a pena ressaltar, que o proprietário quando contrata uma imobiliária não terá despesa alguma com a divulgação da venda de seu imóvel, ficando todas por conta da imobiliária contratada, ou seja em jornais, internet, revista, placas e oportunidade de parcerias entre imobiliárias, sendo devida apenas a comissão de venda de 6%, somente quando for vendido o imóvel.
Dicas para comprar
  • Confie a compra do seu imóvel a um corretor/ empresa credenciado junto ao CRECI.
  • Certifique-se que o imóvel está registrado em nome do Vendedor e solicite a certidão de ônus reais (cópia da matrícula). Solicite a apresentação das certidões pessoais do Cartório Distribuidor de Ações Cíveis, da certidão Estadual, Federal e Trabalhista (lembre-se as certidões tem validade de 30 dias).
  • Verifique junto a Prefeitura se não há débitos de IPTU (Solicite a certidão negativa).
  • Escolha um cartório de confiança para escriturar o imóvel e registre-o o mais breve possível, proteja o seu patrimônio.
  • Consulte a Copel e Sanepar ou se for o caso o síndico do prédio com relação a débitos de luz e água ou taxas de condomínio e faça a transferência da titularidade.